Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘China’

John Bussey, Wall Street Journal, February 2, 2011

A titanic battle is under way between U.S. business and China, a battle reflected in President Barack Obama’s State of the Union address last week and destined to dominate relations between the two countries for years. (mais…)

Read Full Post »

Publicado em janeiro 13, 2011 por outrapoliticaemsampa

Denise Chrispim Marin, O Estado de S.Paulo, 13 de janeiro de 2011


Os EUA expressaram ontem séria preocupação com o investimento da China na produção do J-20, supercaça invisível aos radares, e de outros equipamentos militares sofisticados. (mais…)

Read Full Post »

Publicado em janeiro 13, 2011 por outrapoliticaemsampa

Michael Wines e Edward Wong, com contribuição de Elisabeth Bumiller, Benjamin Haas e Xiyun Yang, The New York Times, 9 de janeiro de 2011

Pentágono e vizinhos asiáticos observam com atenção impulso de Pequim para melhorar aparato militar

O secretário de Defesa, Robert Gates, em uma missão para ressuscitar as relações militares entre Estados Unidos e China, deve chegar a Pequim para negociações com os principais líderes militares do país neste domingo. Mas em um aeródromo em Chengdu, metrópole no centro da China, líderes militares chineses já deram suas boas vindas a ele. (mais…)

Read Full Post »

Publicado em janeiro 10, 2011 por outrapoliticaemsampa

Alejandro Nadal, Esquerda.net, 9 de janeiro de 2010

Agora com a crise global instalada, Chimérica está condenada à desintegração. A população dos Estados Unidos foi atingida e não poderá continuar a ser a consumidora insaciável de que a China precisa.

(mais…)

Read Full Post »

Publicado em janeiro 9, 2011 por outrapoliticaemsampa

Mark Felsenthal, Reuters / O Estado de S.Paulo, 09 de janeiro de 2011

Maioria das estimativas aponta para que a economia chinesa alcance o tamanho da norte-americana por volta da década de 2020, diz professor de Harvard

(mais…)

Read Full Post »

Publicado pelo jornal O Estado de São Paulo, 07 de janeiro de 2011

Evgeny Morozov The New Yor Times

Empresas aliadas do Kremlin controlam provedores, enquanto hackers pró-governo realizam ciberataques mais eficientes do que a tradicional censura.

Pouco antes de um juiz condenar novamente Mikhail Khodorkovsky, o mais famoso preso político da Rússia já era atacado na internet. O site de Khodorkovsky saiu do ar. Recentemente, esse tipo de ofensiva também foi usada para punir empresas americanas, como Amazon e Paypal, por conflitos com wikileaks. (mais…)

Read Full Post »

Publicado em janeiro 4, 2011 por outrapoliticaemsampa

Mitch Moxley, Envolverde / IPS, 3 de janeiro de 2010

Pequim, China – Pesquisadores da China, principal fornecedor de turbinas eólicas e paineis solares, trabalham para baratear o custo da utilização destas e de outras fontes renováveis de energia, conseguir que sejam mais eficientes e aumentar sua proporção na matriz energética deste país.
A China deu um grande salto até ficar à frente no setor de energias alternativas, mas é necessário maior investimento do governo se deseja brilhar nessa área, afirmam numerosos especialistas. (mais…)

Read Full Post »

Publicado em janeiro 3, 2011 por outrapoliticaemsampa

Lucia Green-Weiskel and Tina Gerhardt, Grist, December 31, 2010

Last week, in a move that pits American labor against China’s green-technology industry, the Obama administration filed a complaint with the World Trade Organization over China’s wind-power subsidies.
The U.S. move challenges China’s rapid growth in the renewable-energy market, and also throws the weight of the administration behind the unions, elevating concern about Chinese competition to the level of official U.S. policy. (mais…)

Read Full Post »

Publicado em novembro 23, 2010 por outrapoliticaemsampa

Denise Chrispim Marin, O Estado de S.Paulo, 22 de novembro de 2010

Tecnologia e geração de energia solar e eólica passam a ser pontos de divergência entre Pequim e Washington.

Estados Unidos e China encontraram na tecnologia e produção de energia solar e eólica um novo campo de confronto. Embora os chineses estejam na dianteira, pressionados pela demanda em expansão por eletricidade e pela necessidade de reduzir emissões de gases poluentes, o governo americano pretende incentivar essa área principalmente por sua capacidade de geração de empregos locais.

Nessa competição, os dois países dirigem ameaças de uma disputa emblemática na Organização Mundial do Comércio (OMC) sobre os subsídios concedidos ao setor. (mais…)

Read Full Post »